Curso Firebird SQL 07 – Insert into

A instrução INSERT INTO é usada para inserir novos registros em uma tabela.

Script exemplo:

 — Incluir registros (dados) na tabela Grupo

insert into grupo (gru_codigo,gru_nome) values (1,’PADARIA’);

insert into grupo (gru_codigo,gru_nome) values (2,’ACOUGUE’);

insert into grupo (gru_codigo,gru_nome) values (3,’HORTI-FRUTI’);

— Incluir Registro tabela de produtos

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (1,’PICANHA’,54.50,2);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (2,’BOLO FUBA’,6.80,1);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (3,’CENOURA’,4.35,3);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (4,’PAO FRANCES’,5.00,1);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (5,’FRANGO CONGELADO’,11.20,2);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (6,’ALCATRA’,16.50,2);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (7,’PEPINO’,3.76,3);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (8,’ALHO’,12,3);

insert into PRODUTO (PRO_CODIGO, PRO_NOME, PRO_VALOR, PRO_GRUPO) values (9,’BOMBA CHOCOLATE’,1.80,1);

Publicado por

Daniel Morais

Comecei na área de TI há um bom tempo (1991) com aqueles cursos de MS-DOS 6.22, WordStar, Lotus123, Dbase III Plus, etc. Adorei programar em Dbase III Plus utilizando Dbf; achei fantástico quando aprendi a programar em Clipper Summer 87 e posteriormente Clipper 5.x, que era muito estável em rede utilizando Novell NetWare. Desde então sou um fanático por TI. Hoje desenvolvo aplicações para Windows, Android, OS X e Linux utilizando Lazarus (free Pascal) . Blogueiro (www.infocotidiano.com.br, www.aprendalazarus.com.br, www.startdb.info). Além dos meus Blogs tenho um canal no YouTube o www.youtube.com.br/infocotidiano onde tenho mais de 1 Milhão de visualizações com vídeos de dicas diversificadas que vão desde solucionar um erro de impressão, curso sobre banco de dados, até criar software multi-plataforma utilizando o Lazarus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *